BIOGRAFIA

Diogo Carvalho (Portugal, 1991 ) é um dos mais promissores e versáteis percussionista da actualidade.

A sua vida desde cedo demonstrou que a música era parte do caminho pessoal e profissional a percorrer, para além do seu pai (Ricardo Carvalho) a sua educação passou por escolas como Escola Profissional de Música de Espinho, Academia Nacional e Superior de Orquestra , Berklee College of Music e Codarts Hogeschool voor de Kunsten, onde estudou com nomes como Bart Fermie, Joaquim Alves, Nuno Aroso, Pedro Silva, Rui Gomes, Udo Demandt, Nils Fischer ou Martin Verdonk. Teve também Masterclasses e aulas privadas com nomes como Pedro Carneiro, Manuel Campos, Marcos Cavaleiro, Rainer Seegers, Nancy Zeltsman, Dave Samuels, Lenny Nelson, Alan Vater, Ed Saindon, Sergio Krakowski, Branford Marsalis, Eguie Castrillo, Eliel Lazo, Pedro Martinez, Dafnis Prieto, Paquito González, Trilok Gurtu… entre outros.

Depois de tocar com muitas das principais orquestras portuguesas e trabalhar nos musicais de Filipe Lá Feria, enquanto percussionista multifacetado, Diogo teve a oportunidade de tocar e partilhar palco em diferentes projectos com diferentes artistas, como:
Sara Gonçalves & os Alma, Drumming GP, Carlos Alberto Moniz, Maria da Fé, Bate e Bala, Ana Malhoa, Ney Conceição, Miguel Rubio, Milton Nascimento, Gallowstreet Brass Band, Shirma Rouse, Big Mike, Marcus Miller, Cory Henry... entre outros.

Holanda, Itália, Espanha, França, Alemanha, Inglaterra, Brasil, EUA, Suécia, Bélgica, Polônia… Coliseu do Porto, Aula Magna, CCB, Casa da Música, Meo Arena, Fibes, Bird, Paard van Troje, Miles, De Doelen, Blue Note (Amsterdam), Berklee Performance Center, foram alguns dos Países e Auditórios onde atuou.

Actualmente baseado em Roterdão (NL), durante o North Sea Jazz Festival 2015 Diogo trabalhou enquanto percussionista nas bandas de suporte do North Sea Jazz Club, e no mesmo ano foi convidado para compôr a banda sonora da produção BOMA, do Internacional Dance Theater. Enquanto freelancer destacam-se no último ano os albúms gravados com Azure Hiptronics e com o baterista Jamal Thomas (Maceo Parker) que dá voz á Jamal Thomas Band. Diogo tem desenvolvido um movimento musical e cultural pela Europa central, que se centra em desenvolver a percussão étnica na música portuguesa… no presente, Diogo grava e toca com Guaraché, Dutch Music Community, Diabote e Wojtek Justyna.

Relacionado